Aprender violão pode fazer seu cérebro trabalhar melhor

CEREBRO MUSICISTAUm estudo apresentado pelo TED nesse vídeo revela que tocar um instrumento musical faz o cérebro trabalhar de forma diferente do que qualquer outra atividade, incluindo atividades artísticas, por exemplo.

É comum pensarmos que os esportes ou as artes como a pintura, por exemplo, são todas benéficas para o cérebro, mas é interessante saber de que forma cada ação é executada pelas células cerebrais. Segundo o estudo conduzido por Anita Collins e bem ilustrado pelo TED, quando um músico está tocando um instrumento musical, todas as áreas do cérebro são ativadas ao mesmo tempo, principalmente a área visual e motora. A conexão entre os neurônios (sinapses) ocorrem como se fossem fogos de artifício, e esse comportamento é exclusivo para a área musical, não tendo sido observado em nenhuma outra atividade.

Isso coloca a música em um patamar de destaque entre os hobbies mais saudáveis para o cérebro. Diversos outros estudos já comprovam que o simples ato de ouvir música combate o stress, a depressão, a ansiedade, e pode ajudar a combater doenças. Mas se ouvir música já é saudável, quanto mais interagir com a música tocando um instrumento.

Nesse ponto, é altamente recomendado utilizar o violão como meio de aprendizado, pois é um instrumento barato e fácil de transportar, além de ser muito popular e bonito de se ouvir.

Para quem pensa que é difícil começar ou não sabe o caminho, assista essa aula esclarecedora para iniciantes no violão, e veja como é possível aprender a tocar mesmo sem ter nenhum conhecimento prévio:

Para dominar completamente o instrumento, sugerimos que você faça o curso de violão do Descomplicando a Música, que é o mais completo e útil que já encontramos.

Dessa forma, a cada novo dia de aprendizado, seu cérebro estará trabalhando não apenas a parte lógica ou de raciocínio, mas também as áreas responsáveis pela visão, pela audição, pela coordenação motora, entre outras.

A estrutura neuronal de seu cérebro precisa ser exercitada, portanto comece hoje mesmo a tomar providências para aperfeiçoar a maneira como seu cérebro otimiza as tarefas. Torne-se um violonista!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *